Música ao vivo às quintas

Em Outubro continuam aos concertos das Quintas-Fartas – sempre às quintas como o nome indica – no food hall, às 21.00. A entrada é livre, mas limitada à lotação do espaço.

7 outubro: Leo Middea

Leonardo Middea nasceu na cidade do Rio de Janeiro, mas depois de passagens por São Paulo, Argentina e India, escolheu Lisboa para viver há 4 anos. Em 2014 lançou o seu primeiro disco “Dois”, seguiu-se “A Dança do Mundo” em 2016. Durante o confinamento em Portugal, além de ter tocado em diversas varandas, criou o álbum “Vicentina” (2020), após ter andado pelas ruas de Lisboa a pedir 1€ por pessoa para juntar o dinheiro necessário à gravação. Leo Middea é o primeiro artista das Quintas-Fartas a subir ao palco do Time Out Market em Outubro.

21 outubro: D’Alva

D’Alva, projeto iniciado por Alex D’Alva Teixeira que viu nascer o E.P. “Não é um projeto” (2012) já na altura produzido por Ben Monteiro, rapidamente se tornou em algo maior. A colaboração dos dois artistas aprofundou-se e deu origem ao duo que apelidaram “D’Alva”. Hoje contam com dois discos de estúdio, “#batequebate” e “Maus Êxitos”. Tanto Alex como Ben cresceram na Grande Lisboa, mas África e o Brasil correm no sangue das suas famílias, uma herança que revelam no palco com a liberdade e a energia próprias dos trópicos, cruzada com um espírito estético pop.

28 outubro: Daniela Mendes

Os ritmos tropicais desta banda encabeçada pela cantora e compositora Daniela Mendes animam o food hall com uma viagem pelas sonoridades, ritmos e palavras de Portugal, Brasil ou Cabo Verde.