aperol spritz aperol spritz

Siga aquele copo laranja

Em fevereiro, mês do amor, seria de esperar que o Time Out Market se enchesse de vermelho, mas afinal ficou mais laranja. A culpa é do Aperol Spritz que acaba de abrir um quiosque no Mercado.

Em 1919, em Veneza, os irmãos Barbieri lançaram uma bebida cor de laranja vibrante, à base de laranja amarga, ruibarbo, ervas e raízes variadas, dirigida a homens de negócios e para ser consumida ao final do dia.

Em Itália, o “copo ao fim do dia” é conhecido como aperitivo, uma espécie de happy hour onde o Aperol Spritz é a bebida que mais ordena desde os anos 50, e em especial desde 2003, altura em que a Campari adquiriu a marca e a posicionou como “a bebida perfeita para ocasiões sociais”. A moda pegou, o que num país tão vasto, com uma gastronomia rica e diversificada consoante as regiões, é de admirar que uma bebida seja tão consensual.

Em Portugal, a moda chegou há dois anos e tem vindo a crescer “ao ponto de já não ser preciso explicar às pessoas o que é esta bebida laranja”, conta Manuel dos Santos, responsável pelo quiosque Aperol no Mercado.

Aperol, um bom prosecco, água com gás e uma boa laranja. Parece uma receita simples, mas a verdade é que há truques para o Aperol perfeito, como uma água com gás pouco salgada – a maioria das águas portuguesas são muito salgadas – e o formato e consistência do gelo.

Tal como o nome indica, aperitivo é algo que antecede uma refeição ou que é suposto abrir o apetite para uma refeição. No caso deste quiosque que acaba de abrir no coração do Time Out Market, dada a vizinhança a tarefa parece-nos facilitada. Das tábuas de queijo e presunto da Manteigaria Silva aos petiscos dos chefs, boa companhia para o Aperol Spritz é coisa que não falta. Aperol Spritz: 6€